Utilize este identificador para referenciar este registo: http://repositorio.ismt.pt/jspui/handle/123456789/1061
Título: Inventário de Pádua: Desenvolvimento e estudo das propriedades psicométricas de uma versão reduzida
Autores: Galhardo, Ana
Santos, Diana
Massano-Cardoso, Ilda
Cunha, Marina
Palavras-chave: Inventário de Pádua - Padua Inventory
Versão reduzida - Reduced version
Sintomas obsessivo‐compulsivos - Obsessive-compulsive symptoms
Estrutura fatorial - Factorial structure
Propriedades psicométricas - Psychometric properties
Data: set-2018
Editora: Revista E-Psi
Citação: Galhardo, A., Santos, D., Massano‐Cardoso, I., & Cunha, M. (2018). Inventário de Pádua: Desenvolvimento e estudo das propriedades psicométricas de uma versão reduzida. Revista E‐Psi, 8(1), 1‐19
Resumo: O Inventário de Pádua (IP) é um instrumento de autorresposta, constituído por 60 itens, que avalia a sintomatologia obsessivo‐compulsiva. Trata‐se de um instrumento extenso cuja versão original já foi alvo de três revisões, sendo os resultados alcançados considerados satisfatórios. Neste contexto, o presente estudo teve como objetivo desenvolver uma versão reduzida do IP (IP‐R), bem como estudar a sua estrutura fatorial e as respetivas características psicométricas. Numa primeira etapa e recorrendo à amostra do estudo original da versão portuguesa (N = 604), procedeu‐se à eliminação de itens com base nos critérios psicométricos habitualmente usados para este efeito e na análise de componentes principais. Nesta sequência foi alcançada uma versão do IP‐R composta por 22 itens, distribuídos por 5 subescalas: 1‐ Dúvida, 2‐ Pensamento mágico, 3‐ Sujidade/Contaminação/Lavagem, 4‐ Verificação repetida e 5‐ Necessidade de ordem/simetria, tendo‐se observado a existência de uma correlação forte entre o IP‐R e o IP. Numa segunda etapa e recorrendo a uma amostra de 338 sujeitos da população geral, efetuou‐se a análise fatorial confirmatória do modelo de 5 fatores do IP‐R, tendo sido excluído mais um item. A análise fatorial confirmatória da versão de 21 itens agrupados em 5 fatores demonstrou uma boa qualidade de ajustamento do modelo. No que diz respeito à consistência interna, calculada através do alfa de Cronbach e da fiabilidade compósita, esta revelou‐se muito boa. A análise da fiabilidade teste‐reteste apontou uma estabilidade temporal apropriada. Quanto à validade convergente o IP‐R apresenta uma correlação forte com o Inventário Obsessivo de Coimbra, que também avalia sintomatologia obsessivo‐compulsiva. Relativamente à validade divergente, o IP‐R revelou correlações moderadas com as Escalas de Ansiedade, Depressão e Stress. Em síntese, o IP‐R revelou ser uma medida de autorresposta válida e fidedigna para avaliação de sintomas obsessivo‐compulsivos, tendo a vantagem, por comparação com a sua versão mais longa, de ser de rápida administração, o que lhe confere utilidade, quer no âmbito da investigação, quer da clínica.
URI: http://repositorio.ismt.pt/jspui/handle/123456789/1061
ISSN: 2182-7591
Aparece nas colecções:Publicações Científicas Psicologia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Artigo Inventário de Pádua - reduzido.pdfDocumento315.11 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.