-
Utilize este identificador para referenciar este registo: http://repositorio.ismt.pt/handle/123456789/320
Título: Reabilitação Neuropsicológica Grupal de idosos institucionalizados com Declínio Cognitivo sem Demência
Autores: Curado, Giseli Fabiana da Silva
Espirito-Santo, Helena (Orientadora)
Palavras-chave: Declínio cognitivo sem Demência - Cognitive impairment without Dementia
Reabilitação neuropsicológica grupal - Neuropsychological group rehabilitation
Avaliação neuropsicológica - Neuropsychological assessment
Depressão - Depression
Solidão - Loneliness
Institucionalização - Institutionalization
Data: 2013
Editora: ISMT
Resumo: Contexto: O envelhecimento normal é caracterizado por alterações na cognição. Em contraste com o envelhecimento normal podem ocorrer alterações cognitivas patológicas. Quando tais alterações são mais extensas do que as expectáveis para o envelhecimento normal mas sem alcançar magnitude de demência, temos o Declínio Cognitivo sem Demência (DCSD). Independente da etiologia subjacente ao DCSD, as taxas de conversão para a demência são altas. Assim, perante o impacto que o DCSD tem nos idosos, torna-se importante implementar programas de reabilitação com a finalidade de influenciar favoravelmente a prevenção da demência. Objetivos: Este estudo pretendeu investigar a influência de um Programa de Reabilitação Neuropsicológico Grupal (PRNG) no funcionamento cognitivo e executivo de idosos institucionalizados com DCSD. Metodologia: A amostra foi constituída por 24 idosos, com idades compreendidas entre os 67 e os 92 anos, divididos em dois grupos. Doze idosos foram submetidos ao Programa de Reabilitação Neuropsicológico Grupal (Grupo Experimental) e doze idosos ficaram em lista de espera para serem reabilitados (Grupo de Controlo). O estudo teve um desenho quase experimental e cego na reavaliação. As dez intervenções tiveram a duração de 90 minutos, uma vez por semana, em grupos de até cinco idosos. Foram avaliados pré e pós-intervenção através da Avaliação Cognitiva de Montreal para a classificação do nível cognitivo, da Avaliação Breve do Estado Mental para a avaliação do funcionamento cognitivo global, da Bateria de Avaliação Frontal para a análise do funcionamento executivo, da Escala da Depressão Geriátrica, do Inventário de Ansiedade Geriátrica e da Escala da Solidão. Resultados: Através de ANCOVAS efetuou-se a comparação entre a pré e a pós-intervenção, revelando-se diferenças significativas ao nível do funcionamento cognitivo e do funcionamento executivo. Verificou-se ainda melhoria significativa ao nível da sintomatologia depressiva e dos sentimentos de solidão. Conclusão: O PRNG aplicado em idosos institucionalizados com DCSD tem impacto no funcionamento cognitivo e executivo, uma vez que através da sua aplicação é possível estabilizar ou mesmo recuperar as capacidades cognitivas e executivas, bem como reduzir a sintomatologia depressiva e os sentimentos de solidão. / Context: The normal aging is characterized by changes in cognition. In contrast with normal aging pathological cognitive changes may occur. When such changes are more extensive than those expected for normal aging without reaching magnitude of dementia, we have the Cognitive Impairment No Dementia (CIND). Independent of the underlying aetiology to CIND, conversion rates for dementia are high. Thus, given the impact that the CIND has in the elderly, it becomes important implement to rehabilitation programs in order to favourably influence the prevention of dementia. Objectives: This study aimed to investigate the influence of a Rehabilitation Neuropsychological Program with Group (RNPG) on the cognitive and executive functioning of institutionalized elderly with CIND. Methodology: The sample included 24 elderly individuals, with ages between 67 and 92 years, divided into two groups. Twelve elderly individuals were submitted to RNPG (Experimental Group) and twelve elderly individuals were on the waiting list to be rehabilitated (Control Group). The study had a quasi-experimental design and was blind in the revaluation. The ten interventions took 90 minutes per session, once a week, in groups of up to five elderly. The pre and post-intervention assessment included the Montreal Cognitive Assessment for the classification of the cognitive level, the Mini Mental State Examination for the assessment of cognitive functioning, the Frontal Assessment Battery for the analysis of the executive functioning, the Geriatric Anxiety Inventory, the Geriatric Anxiety Inventory, and the Loneliness Scale. Results: We used ANCOVAS to compared pre and post-intervention, and we have found significant differences at the level of cognitive and executive functioning. Significant improvement was also found at the level of depressive symptoms and feelings of loneliness. Conclusion: The RNPG applied in institutionalized elderly with CIND has impact on cognitive and executive functioning, given the fact that through its application it is possible to stabilize or even recover cognitive and executive skills, as well as, to reduce depressive symptoms and feelings of loneliness.
URI: http://dspace.ismt.pt/xmlui/handle/123456789/320
Aparece nas colecções:Dissertações de Mestrado Psicologia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_GiseliFabiana_Completa.pdf2.42 MBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.