Utilize este identificador para referenciar este registo: http://repositorio.ismt.pt/jspui/handle/123456789/1002
Título: Experiências Dissociativas, Competências Sociais e Problemas de Comportamento: serão as crianças institucionalizadas diferentes?
Autores: Lopes, Marta Sofia Martins
Espírito-Santo, Helena (Orientadora)
Palavras-chave: Experiências dissociativas - Dissociative experiences
Problemas de comportamento - Behavior problems
Competências sociais - Social skills
Crianças institucionalizadas - Institutionalized children
Data: 2011
Editora: ISMT
Resumo: Este estudo pretendeu averiguar se as crianças institucionalizadas apresentam mais experiências dissociativas do que as crianças que estão com a família num meio dito normal. Utilizando uma amostragem de conveniência foram inquiridos 77 sujeitos, com idades compreendidas entre 11 e 18 anos. A amostra ficou dividida em sub-amostras: CAEI/ATL (n = 8), Liceu M (n = 12) e Liceu P (n = 57). Na recolha dos dados foi utilizado um Questionário Sociodemográfico criado para ao efeito, a Adolescent Dissociative Experiences Scale (ADES) e o Youth Self Report (YSR). A nossa amostra apresenta médias superiores à dos outros estudos, tanto na ADES como no YRS. Apenas se verificam diferenças significativas entre os grupos ao nível das experiências dissociativas. Observámos correlações moderadas entre as experiências dissociativas e os problemas de comportamento/competências sociais. O nosso estudo é o primeiro em Portugal a investigar as experiências dissociativas e os problemas de comportamento/ competências sociais em crianças institucionalizadas. A nossa amostra não estava equilibrada ao nível das sub-amostras, pelo que os nossos resultados deveriam ser confirmados em estudos posteriores. / The aim of this research was to determine if institutionalized children show higher levels of dissociative experiences than children who live with their families. By using a convenience sampling, we evaluated 77 subjects, aged between 11 and 18 years old. The sample was divided into subsamples: CAEI/ATL (n =8), M High School (n = 12) and P High School (n = 57). For data gathering, we used a Socio-demographic Questionnaire created for that purpose, the Adolescent Experiences Scale (ADES) and the Youth Self Report (YSR). The evaluated sample presented higher averages than the ones in other researches, both in ADES and in YSR. Significant differences between the subsamples could only be found at the level of dissociative experiences. We found moderate correlation between dissociative experiences and behavior problems/social skills. Ours is the first study in Portugal to investigate dissociative experiences and behavior problems/social skills in institutionalized children. Our sample was not balanced at the subsample level, thus our results should be confirmed in future researches.
URI: http://repositorio.ismt.pt/jspui/handle/123456789/1002
Aparece nas colecções:Dissertações de Mestrado Psicologia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
T-Marta-DissociaçãoJovens.pdfDocumento196.03 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.