-
Utilize este identificador para referenciar este registo: http://repositorio.ismt.pt/handle/123456789/62
Título: Versão Portuguesa da Dissociative Disorders Interview Schedule (DDIS) Estudo preliminar de adaptação a uma amostra da população portuguesa
Autores: Espirito-Santo, Helena
Madeira, Filipa
Pio-Abreu, José Luís
Palavras-chave: Dissociative Disorders Interview Schedule
patologia dissociativa
Data: 2006
Editora: Unpublished manuscript, Universidade de Coimbra
Resumo: Objectivo: A detecção precoce de patologia dissociativa é essencial para o seu tratamento. O uso de instrumentos padronizados de avaliação diagnóstica é útil nessa tarefa. O objectivo deste estudo é adaptar o Dissociative Disorders Interview Schedule (DDIS) e determinar provisoriamente algumas propriedades psicométricas. Método: O DDIS foi traduzido para Português e retrovertido para Inglês de forma a garantir a sua base conceptual. O estudo incluiu 61 doentes com patologias do foro dissociativo, conversivo, somático e outras patologias. A validade convergente da DDIS foi estudada com as versões portuguesas do Somatoform Dissociation Questionnaire (SDQ-20) e do Dissociative Experiences Scale (DES). A concordância diagnóstica foi calculada através do Kapa de Cohen. Resultados: As correlações com os outros instrumentos de medida foram moderadas. A concordância diagnóstica foi alta (0.83). A sensibilidade foi de 69% e a especificidade de 91%. Conclusões: a versão Portuguesa do DDIS parece ser um instrumento útil para identificar e discriminar doentes do foro dissociativo de outros doentes. As características psicométricas auguram validade e fidedignidade promissoras.
URI: http://repositorio.ismt.pt/handle/123456789/62
Aparece nas colecções:Publicações Científicas Psicologia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Espirito-santo2007 DDIS.pdf606.96 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.