-
Utilize este identificador para referenciar este registo: http://repositorio.ismt.pt/handle/123456789/731
Título: Perceção do Funcionamento Familiar e do Suporte Social em Estudantes do Ensino Superior em Portugal Continental
Autores: Anjos, Vitor Nuno Neves Ferreira dos
Sequeira, Joana (Orientadora)
Palavras-chave: Funcionamento familiar - Family functioning
Suporte social - Social support
Estudantes do Ensino Superior - Higher Education Students
Data: 2017
Editora: ISMT
Resumo: Objetivo: Esta investigação pretende analisar a perceção de funcionamento familiar e a satisfação do suporte social em estudantes do ensino superior em Portugal Continental. Metodologia: Participaram 516 estudantes a estudar em Aveiro, Coimbra, Leiria e Lisboa, nos cursos de Ciências do Desporto, Enfermagem, Engenharia Mecânica, Gestão, Jornalismo/Comunicação, Medicina e Psicologia com idades compreendidas entre os 17 e os 38 anos de idade. Os instrumentos aplicados foram a Escala de Avaliação da Flexibilidade e da Coesão Familiar (FACES-IV), Escala de Satisfação com o Suporte Social (ESSS) e o questionário sócio demográfico e de dados complementares. Resultados: Os participantes avaliaram as suas famílias como equilibradas, apresentando resultados elevados na coesão equilibrada e na flexibilidade equilibrada. Os estudantes referem boa comunicação familiar, mas sentem-se insatisfeitos com as suas famílias. Relativamente à satisfação com o suporte social, estudantes percecionam elevada e média satisfação com o Suporte Social. Os alunos que apresentam perceção mais elevada de suporte social são de Psicologia e Ciências do Deporto e os que apresentam menos satisfação são os de Medicina e os alunos que frequentam o quinto ano. As variáveis associadas ao funcionamento familiar explicaram 49 % da variância do suporte social. Conclusões: O funcionamento familiar e o suporte social parecem relacionar-se de forma positiva. Este estudo traz contributos para a compreensão do papel da família e do suporte social no processo de adaptação dos jovens ao ensino superior. / Objective/Purpose: The aim of this study was to analyse the perception of the family functioning and the satisfaction with the social support in higher education students from mainland Portugal. Methods: A total of 516 students participated in this research. They studied Sports Sciences, Nursing, Mechanical Engineering, Management, Journalism/Communication, Medicine and Psychology in Aveiro, Coimbra, Leiria and Lisbon. Their ages vary between 17 and 38 years old. The instruments applied were the Family Adaptability and Cohesion Scale (FACES-IV), the Satisfaction with Social Support Scale (ESSS) and the socio-demographic and complementary data questionnaire. Results: The participants evaluated their families as balanced, presenting high results in balanced cohesion and in balanced adaptability. The students perceive good family communication and are mostly dissatisfied with their families. Concerning the satisfaction with social support, students perceived high and medium satisfaction with Social Support. The students who presented higher perception of social support study Psychology and Sports Sciences and the students with lower satisfaction study Medicine. Students attending the fifth year perceive lower satisfaction with social support. The variables associated with family functioning explain 49% of the social support variance. Conclusions: The family functioning and the social support seem to relate positively. This study brings contributes for the comprehension of the family role and social support in the process of adaptation to higher education.
URI: http://repositorio.ismt.pt/handle/123456789/731
Aparece nas colecções:Dissertações de Mestrado Psicologia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
imprimir cd DISSERTAÇÃO FINALISSIMA 29 MAIO.pdf1.95 MBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.