-
Utilize este identificador para referenciar este registo: http://repositorio.ismt.pt/handle/123456789/843
Título: Avaliação da Eficácia de um Programa de Reabilitação Neuropsicológica Grupal no Funcionamento Cognitivo e Emocional de Pessoas Idosas em Resposta Social
Autores: Costa, Marcelo Filipe Monteiro
Simões, Sónia (Orientadora)
Lemos, Laura (Coorientadora)
Palavras-chave: Envelhecimento - Aging
Cognição - Cognition
Défice - Deficit
Reabilitação neuropsicológica - Neuropsychological rehabilitation
Data: 2017
Editora: ISMT
Resumo: Introdução: O envelhecimento individual pode envolver alterações progressivas que não comprometem as atividades de vida diária do indivíduo, no entanto, por vezes as alterações são mais extensas e com impacto na autonomia da pessoa idosa. Entre as alterações mais importantes estão as de ordem cognitiva e emocional. Os estudos indicam que uma forma de intervir eficazmente junto deste tipo de população e nestas problemáticas é através da aplicação de programas estruturados de reabilitação neuropsicológica. Objetivos: É objetivo principal avaliar a eficácia da aplicação do Programa de Reabilitação Neuropsicológica no funcionamento cognitivo e emocional de pessoas idosas em contexto institucional. São objetivos específicos: 1) estudar as diferenças nas variáveis cognitivas e emocionais em dois momentos: antes e após a intervenção; 2) estudar as diferenças nas variáveis cognitivas e emocionais, entre o grupo de intervenção e o grupo neutro, nos momentos de pré e pós-intervenção; 4) averiguar a associação entre as variáveis cognitivas e emocionais e as variáveis sociodemográficas dos sujeitos. Metodologia: A amostra é composta por 19 pessoas idosas com idade média de 82,95 anos (DP = 7,27). Destas, 10 foram alvo de um Programa de Reabilitação Neuropsicológica Grupal (Grupo de Intervenção; GI), enquanto que os outros 9 realizaram dinâmicas de grupo não estruturadas (Grupo Neutro; GN). A amostra foi avaliada antes e após a administração do Programa, através dos instrumentos: Questionário Sociodemográfico; Montreal Cognitive Assessment; Escala de Depressão Geriátrica; Inventário de Ansiedade Geriátrica; Bateria de Avaliação Frontal; Escala de Solidão; e Instrumento de Avaliação da Qualidade de Vida. Resultados: Os resultados apontam para melhorias significativas do GI ao nível cognitivo e emocional (diminuição da sintomatologia depressiva, dos sentimentos de solidão e uma avaliação subjetiva da qualidade de vida mais positiva), quando comparados os sujeitos do GN, porém não se evidenciaram melhorias significativas na ansiedade e na qualidade de vida (domínio dos sentidos). Foram, também, encontradas associações significativas e moderadas na pré-intervenção entre o número de anos de escolaridade e o desempenho cognitivo e entre a idade e a qualidade de vida, e na pós-intervenção entre a idade e a sintomatologia depressiva e entre a idade e a qualidade de vida. Discussão e Conclusão: Os resultados alcançados vêm reforçar a importância da administração de Programas de Reabilitação Neuropsicológica como forma de prevenir ou retardar os efeitos do envelhecimento e/ou défice cognitivo e demência, intervindo nas dimensões cognitivas e emocionais. A utilização de programas de administração grupal, pode favorecer a diminuição de sentimentos de solidão. / Introduction: Aging can involve progressive alterations that do not compromise the individual’s daily routine. However, these alterations are sometimes more extensive, affecting the elderly person’s autonomy. Among the alterations, the most important ones are associated to cognition and emotion. Concerning this type of populations, studies indicate that the most effective way of intervention is through the application of structured neuropsychological rehabilitation programs. Aims: The main aim is to evaluate the effectiveness of the application of the Neuropsychological Rehabilitation Program in cognition and emotional functioning, in an institutional context. The specific aims are: 1) Study the differences between the cognitive and emotional variables: before and after the intervention; 2) Study the differences between the cognitive and emotional variables, between the Intervention Group, IG and the Neutral Group, NG, through pre- and post-interventions; 3) Inquire the association between the cognitive and emotional variables and the sociodemographic variables of the participants. Methods: The sample is composed by 19 old people, with an average age of 82, 95 years (DP=7, 27). Concerning the full samples, 10 of them were submitted to a Neuropsychological Rehabilitation Program (IG), and the other 9 participated in unstructured dynamic groups (NG). The sample was evaluated before and after the administration of the Program, through the following questionnaires and scales: Sociodemographic Questionnaire; Montreal Cognitive Assessment; Geriatric Depression Scale; Geriatric Anxiety Inventory; Frontal Battery Assessment; Loneliness Scale; and Instrument of Assessment of Quality of Life. Results: The results showed significant improvements of the IG at a cognitive and an emotional level (reduction of the depressive symptomatology, of loneliness feeling and a positive individual evaluation of quality of life), when compared to the NG. The NG didn’t show significant improvements regarding anxiety and quality of life (domain of the senses). Furthermore, the results also showed significant associations in the pre-intervention between the number of schooling years and cognition performance; between the age and the quality of life; in post-intervention, between the age and the depressive symptomatology and also between the age and the quality of life. Discussion and Conclusion: The results confirm the importance of the application of Neuropsychological Rehabilitation Programs as a way of preventing and delaying aging symptoms and dementia, therefore the importance of intervention at a cognitive, an emotional and a behavioral level. The implementation of these programs can also reduce the loneliness feeling among elderly people.
URI: http://repositorio.ismt.pt/handle/123456789/843
Aparece nas colecções:Dissertações de Mestrado Psicologia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Mestrado_final_Marcelo Costa.pdf1.11 MBAdobe PDFVer/Abrir
Apêndices e Anexos.pdf332.46 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.