-
Utilize este identificador para referenciar este registo: http://repositorio.ismt.pt/handle/123456789/866
Título: Estudo Exploratório da Relação entre Evitamento Experiencial, Sintomas Emocionais Negativos e Preocupações com a Aparência Física em Pessoas com Lesão Vertebro-medular
Autores: Baptista, Ariana Cardoso
Galhardo, Ana (Orientadora)
Palavras-chave: Lesão vertebro-medular - Spinal cord injury
Sintomas emocionais negativos - Negative emotional symptoms
Evitamento experiencial - Experiential avoidance
Preocupações com a aparência física - Concerns about physical appearance
Data: 2018
Editora: ISMT
Resumo: Introdução: As lesões vertebro-medulares (LVM) podem acontecer devido a traumatismos ou doenças que afetam a espinal medula, podendo causar perda de funcionalidade parcial ou total da espinal medula, transformando-se num evento avassalador e traumático que qualquer ser humano pode vivenciar. A LVM evidencia um grande impacto nas diversas áreas da vida do sujeito, não envolvendo somente sequelas físicas, mas originando, igualmente, consequências psicossociais, às quais é necessário que o indivíduo se adapte para que possa recuperar um bem-estar e qualidade de vida satisfatórios. Neste contexto poderão surgir sintomas psicopatológicos de depressão, ansiedade e stress, bem como preocupações acerca da aparência física. Objetivos: O objetivo principal desta investigação consistiu em estudar a relação entre o evitamento experiencial, os sintomas emocionais negativos e as preocupações relacionados com a aparência física em pessoas com LVM. Metodologia: Numa primeira fase o projeto de investigação foi alvo de apreciação por parte da Comissão de Ética e do Conselho de Administração do Centro de Medicina de Reabilitação da Região Centro – Rovisco Pais. A recolha de dados foi realizada numa amostra de 30 indivíduos (24 homens e 6 mulheres), de forma previamente marcada com os participantes e englobou a administração dos seguintes instrumentos, o Questionário Sociodemográfico, as Escala de Ansiedade, Depressão e Stress 21 (EADS-21), o Questionário de Aceitação e Ação II (AAQ-II) e a Escala de Avaliação da Aparência de Derriford (DAS-24). Resultados: Segundo os dados recolhidos e ao ser analisada a eventual existência dos sintomas emocionais negativos e ao evitamento experiencial entre homens e mulheres os resultados não evidenciaram diferenças estatisticamente significativas em nenhuma das variáveis. Relativamente ao evitamento experiencial constatou-se que existiram correlações estatisticamente significativas com os sintomas emocionais negativos depressão, ansiedade e stress. Verificou-se ainda a existência de correlações estatisticamente significativas entre o evitamento experiencial e as preocupações na área da aparência física. Discussão: O presente estudo, de natureza exploratória, procurou analisar os sintomas emocionais negativos de depressão, ansiedade e stress e as preocupações com a imagem corporal, englobando ainda a exploração do processo de regulação emocional de evitamento experiencial, em pessoas com LVM. Com efeito, e contrariamente ao que seria expectável, os resultados encontrados no que respeita aos sintomas emocionais negativos não se revelaram elevados, por comparação a outros estudos. Em estudos futuros seria indicado explorar de forma mais rigorosa estes aspetos uma vez que a amostra presente no estudo é de dimensão reduzida e também se pode ponderar que o facto de os instrumentos terem sido administrados pela investigadora poderá ter conduzido a respostas mais convenientes com a desejabilidade social. / Introduction: Vertebro-medullary lesions (LVM) can occur from trauma or diseases that affect the spinal cord and can cause loss of functionality of the partial or total spinal cord, making it an overwhelming and traumatic event that any human being can experience. LVM shows a great impact in the different areas of the subject's life, not only involving physical sequelae but also resulting in psychosocial consequences, which must be adapted to the recovery of a satisfactory well-being and quality of life. In this context, psychopathological symptoms of depression, anxiety and stress may arise, as well as concerns about physical appearance. Objectives: The main objective of this investigation was to study the relationship between experiential avoidance, negative emotional symptoms and concerns related to physical appearance in people with LVM. Methods: First of all, the research project was evaluated by the Ethics Committee and by the Board of Directors of Centro de Reabilitação de Centro - Rovisco Pais. Data collection was performed in a sample of 30 individuals (24 men and 6 women), previously marked with the participants and included administration of the following instruments, Sociodemographic Questionnaire, such as the Anxiety, Depression and Stress Scale 21 (EADS-21), the Acceptance and Action Questionnaire II (AAQ-II) and a Derrift Appearance Assessment Scale (DAS-24). Results: According to the data collected and analyzing the possible existence of negative emotional symptoms and experiential avoidance exists no diferences between men and women that are statistically significant were observed in any of the variables. Regarding experiential avoidance it was found that there are statistically significant correlations with negative emotional symptoms depression, anxiety and stress. There were also statistically significant correlations between experiential avoidance and appearance concerns. Discussion: This exploratory study aimed to analyze the negative emotional symptoms of depression, anxiety and stress and concerns about a body image, including an exploration of the process of emotional regulation of experiential avoidance in people with vertebro-medullar injury. In fact, contrary to what is expected, the results found are not requirements, compared to other studies. In case of difficulty, it is possible to consider that the instruments used by the investigator conduces to answers more convenient with a social desirability.
URI: http://repositorio.ismt.pt/handle/123456789/866
Aparece nas colecções:Dissertações de Mestrado Psicologia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_Ariana Baptista_2018.pdf923.93 kBAdobe PDFVer/Abrir
Anexos.pdf1.22 MBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.