Utilize este identificador para referenciar este registo: http://repositorio.ismt.pt/jspui/handle/123456789/1335
Título: Medo de contrair COVID-19: Estudo de validação da Fear of Contracting COVID-19 Scale em adolescentes portugueses
Outros títulos: Fear of Contracting COVID-19: Avalidationstudy of the Fear of Contracting COVID-19 Scale in Portuguese adolescents
Autores: Sousa-Ramos, Maria de Fátima
Galhardo, Ana
Cunha, Marina
Massano-Cardoso, Ilda
Palavras-chave: Medo de contrair COVID-19 - Fear of contracting COVID-19
Ansiedade - Anxiety
Depressão - Depression
Stress - Stress
Qualidade de vida - Quality of life
Adolescentes - Adolescents
Data: nov-2021
Editora: Departamento de Investigação & Desenvolvimento do Instituto Superior Miguel Torga
Citação: Sousa Ramos, M. de F., Galhardo, A., Cunha, M., & Massano-Cardoso, I. (2021). Medo de contrair COVID-19: Estudo de validação da Fear of Contracting COVID-19 Scale em adolescentes portugueses. Revista Portuguesa De Investigação Comportamental E Social, 7(2), 1–16. https://doi.org/10.31211/rpics.2021.7.2.215
Relatório da Série N.º: 1;
Resumo: Introdução: Face às circunstâncias de pandemia, o medo pode emergir como resultado da incerteza, da possibilidade de ser contagiado pelo SARS-Cov 2, ou contagiar outras pessoas, podendo ainda estar associado a sintomas psicopatológicos e a um impacto na qualidade de vida, relacionados com a pandemia pela COVID-19. Objetivo: A presente investigação pretendeu examinar a estrutura fatorial e propriedades psicométricas da Fear of Contracting COVID-19 Scale (FCCS)em adolescentes portugueses e analisar a relação entre o medo de contrair COVID-19 e os níveis de depressão, ansiedade e stresse, bem como com a qualidade de vida neste grupo etário. Métodos: A amostra foi constituída por 269 adolescentes (137 rapazes e 132 raparigas), com idades compreendidas entre os 11 e os 16 anos, a frequentar o 3º ciclo do ensino básico. Os participantes preencheram um questionário sociodemográfico, a FCCS, as Escalas de Depressão, Ansiedade e Stress(EADS-21), e o KIDSCREEN-10, enquanto medida da qualidade de vida em adolescentes. Resultados: A FCCS revelou, tal como na sua versão original para adultos, uma estrutura unidimensional, com bons indicadores de ajustamento e boa consistência interna. O medo de contrair COVID-19 mostrou-se associado com sintomas de ansiedade, depressão e stresse, mas não evidenciou uma relação com a qualidade de vida nos adolescentes. A análise de diferenças entre rapazes e raparigas mostrou que estas últimas apresentam mais medo de contrair COVID-19, mais sintomas de ansiedade, depressão e stresse e uma pior perceção da sua qualidade de vida. Conclusões: A Fear of Contracting COVID-19 Scale mostrou ser adequada para uso com adolescentes. O medo de contrair COVID-19, ainda que associado a sintomas psicopatológicos de ansiedade, depressão e stresse, parece não estar relacionado com a qualidade de vida dos adolescentes
URI: http://repositorio.ismt.pt/jspui/handle/123456789/1335
ISSN: 2183-4938
Aparece nas colecções:Publicações Científicas Psicologia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
215-Texto Artigo-2068-2-10-20211130.pdfDocumento1.34 MBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.